Destaque nº 40 rejeitado: Ronaldo Vieira viaja para BSB nesta terça-feira (9/7)

Destaque nº 40 rejeitado: Ronaldo Vieira viaja para BSB nesta terça-feira (9/7)

A Comissão Especial da Reforma da Previdência rejeitou na tarde da última quinta-feira, 4 de julho, por 36 votos a 13, o destaque nº 40, apresentado pela bancada do PSD, que buscava estender as regras especiais de aposentadoria das Forças Armadas para agentes de segurança no âmbito da União: policiais rodoviários federais, policiais federais, agentes penitenciários e agentes socioeducativos.

O destaque nº 40, de autoria do deputado Hugo Leal (PSD-RJ), em movimento liderado pelo PSL, do presidente Jair Bolsonaro. Policiais que acompanhavam a comissão atacaram o partido, o presidente e a líder do governo no Congresso, Joice Hasselmann (PSL-SP), aos gritos de: “Bolsonaro traidor” e “O PSL traiu a polícia do Brasil”.

Os governistas também conseguiram derrubar o destaque nº 47, da bancada do Podemos que buscava garantir integralidade e paridade para os profissionais de segurança pública, com idade mínima de aposentadoria aos 53 anos para homens e 52 anos para as mulheres. O destaque ainda previa um pedágio de 17% no tempo de serviço para os profissionais que já estão na ativa.

Diante dos fatos, o presidente do Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais no Estado do Ceará (SINDPRF-CE), Ronaldo Vieira, conclama todos os PRFs para juntar-se à luta.

 

Canal do SINDPRF-CE no Youtube: confira aqui a íntegra da nota divulgada pelo presidente

 

Segue Nota Oficial:

 

“Aos nossos sindicalizados e a todos os Policiais Rodoviários Federais, quero que saibam que ontem (quinta-feira, 04/07) tivemos nossos pedidos negados, mais uma vez. Fomos profundamente traídos pelo Governo Federal, governo esse, eleito com apoio e voto da nossa categoria, que empunhou a bandeira da Segurança Pública.

Fomos derrotados pelo Partido Social Liberal – PSL, pois, se o partido tivesse ido ao nosso favor na votação do Destaque nº 40, apresentado pelo Deputado Hugo Leal, da Frente Parlamentar, em nossa defesa, nós teríamos conseguido com êxito a preservação da nossa aposentadoria.

De forma alguma queríamos algum tipo de privilégios, sempre deixamos claro que queríamos o reconhecimento e a valorização de uma polícia e uma carreira que é típica de Estado e que tem direito a essa aposentadoria específica, dada a natureza das funções exercidas.

Porém, a luta continua e vamos dar a nossa última cartada que é conseguir aprovar uma emenda em plenário, com 308 votos e é para isso que iremos trabalhar de agora em diante.

No mais, viajaremos para Brasília nessa terça-feira, dia 9/7, com uma comissão do Ceará, com entidades sindicais e a nossa Federação, para realizarmos o corpo a corpo junto ao Congresso Nacional na Câmara dos Deputados para, então, tentar os votos necessários para aprovação de uma emenda ao nosso pleito.

Novamente digo, a luta é grande e será constante. Infelizmente o interesse maior é dos grupos financeiros, a fim de transformar a Previdência em capitalização e nós sempre seremos contra e lutaremos até o fim. Se perdermos, o que não gostaríamos, logicamente, não será por falta de luta e sim por causa da covardia desse Governo que foi eleito com o voto da nossa categoria e nos traiu, assim como os deputados eleitos diretamente pelo nosso voto.”.

Ronaldo Vieira – Presidente do SINDPRF-CE

 

 

Foto e vídeo: Acervo SINDPRF-CE

 

 

Próxima notícia

Veja todas as notícias ›
Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais no Estado do Ceará | SINDPRF-CE
Rua Margarida de Queiroz, 07 - Cajazeiras - Fortaleza/CE CEP.: 60.864-300
PABX/FAX: (85)3279-2848 / (85)3279-5698
sindprfce@sindprfce.com.br