Governo Federal garante certame para a PRF

Governo Federal garante certame para a PRF

O presidente Jair Bolsonaro afirmou, no último sábado (22/06), que a Polícia Rodoviária Federal e a Polícia Federal serão uma das poucas exceções no Executivo que terá concurso público nos próximos anos. O discurso é alinhado com o de Paulo Guedes (ministro da Economia), que decidiu restringir o orçamento público para conter gastos com pessoal no Governo Federal.

Após o governo endurecer as regras para a publicação de novos concursos federais, exigindo informações detalhadas para fundamentar o pedido, como por exemplo, que as atividades não poderiam ser prestadas por equipes terceirizadas ou temporárias. Sendo assim, são poucas as áreas que dependem do Ministério da Economia que estão autorizadas a avançar com a recomposição do quadro de servidores públicos, entre elas, a Polícia Rodoviária Federal e a Polícia Federal, que já se movimentam com o pedido de realização dos concursos públicos.

O concurso do IBGE também já segue autorizado pelo governo federal, com mais de 234 mil vagas, para a realização do censo demográfico 2020.

“Paulo Guedes decidiu basicamente que poucas áreas terão concurso, porque não tem como pagar mais. O problema é esse. A gente até gostaria em uma área ou outra. Abri uma exceção para a Polícia Federal e a Polícia Rodoviária Federal. Fora isso, dificilmente teremos concurso no Brasil nos próximos poucos anos”, disse.

 

Fonte: FenaPRF

Próxima notícia

Veja todas as notícias ›
Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais no Estado do Ceará | SINDPRF-CE
Rua Margarida de Queiroz, 07 - Cajazeiras - Fortaleza/CE CEP.: 60.864-300
PABX/FAX: (85)3279-2848 / (85)3279-5698
sindprfce@sindprfce.com.br